segunda-feira, 25 de janeiro de 2016

Ele extrapola tudo.


Ele extrapola tudo.

Lendo o excelente material escrito pelo Marcos Almeida da banda Palavrantiga acerca da [velha] discussão gospel/secular em relação a música, percebi que sempre enxerguei vestígios de Deus em algumas músicas "do mundo". Muito além de apenas negar Sua existência ou tentar desconstruir a fé sobre Ele ser quem Ele é, algumas são orações ou mesmo composições em Seu louvor.

Penso que Deus não se limita às prateleiras "Gospel/Religioso", Ele extrapola tudo.
Porque não até a arte?

Acho válida a reflexão! Não quero mudar a opinião de ninguém sobre nada, mas uma segunda opinião sobre qualquer coisa sempre traz algo novo.

Um comentário: