quarta-feira, 15 de fevereiro de 2012

Forever Alone

Forever Alone

Das muitas coisas que acontecem pelas redes da internet e entre as poucas que não deveriam ter importância alguma fora dela, esta o conhecido  “memê”; Forever Alone.  Mas não tenho como não tirar de algo sem aparente relevância algum proveito. Ele [esse memê] me fez pensar na necessidade de se estar só!

Por mais que seja bom saber que temos família, amigos, amados mesmo que estejam sempre por perto e dispostos a nos ajudar quando precisamos, alguns momentos devem ser regados a completa solidão. Não precisam ser períodos completos de depressão, mas falo de organização de pensamentos, sentimentos e afins. Percebo que somos cercado por tantas informações, tecnologias e distrações quem nem mesmo somos boas companhias pra a pessoa que mais deveria nos importar; nós mesmos. Sabe quando você chega em casa e liga a tv ou coloca aquela música pra tocar sem ter a intenção de dar atenção aquilo que você acabou de ligar, você só não quer se sentir só!? É disso que falo, não podemos nos roubar esses momentos de introspecção. Esse tempinho que podemos “ruminar” o dia, ou algum fato não muito bem resolvido, ou mesmo fazer um programa sem interferências exteriores maiores, enfim, ficar a sós “conosco mesmo”.

Não abro mão desses momentos e se pudesse te dar um conselho [o que não vou fazer] te diria: Faça o mesmo! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário