sexta-feira, 18 de setembro de 2009

Senhor do tempo.

Ainda estou "em obras", mas sinto que tudo está voltando ao normal agora.
É comum que durante reformas agente bagunce tudo pra depois arrumar. E foi bem isso que aconteceu ou está acontecendo.
Uma das coisas que mais senti a necessidade de mudar foi de igreja.
Igreja que de certa forma ajudei a construir, mas que no entanto ultimamente eu já não era tão útil, como no começo.
Agora já sei que algumas pessoas equivocadamente amam as coisas e usam as pessoas, mas não vamos entrar no mérito (ou demérito) da questão.

Para onde ir?
Que igreja chegava mais perto daquilo que eu acredito como evangelho?

Me converti em uma igreja Bastita há alguns anos (março de 1996).
Depois disso permaneci em uma igreja em Células por quase nove anos.
Aí no começo do ano achei que a Renascer podia ser essa igreja que estava procurando pra congregar.
Mas não era.
Até que em junho decidi voltar pra uma igreja Batista, só que não a mesma de antes.
E não é que estou me sentindo em casa... Vai entender essa minha cabeça?!

Sempre achei que uma igreja tradicional seria monótono, chato, enfim...
Mas se tem algo que me cativou nessa igreja (minha igreja... rs!) é a preocupação em estudar a Bíblia. Sabe aquele culto que você sempre descobre alguma informação nova!?
É bem legal. Há uma concordâcia no que é pregado com o que se vive.
Sem falar que sou extremamente metódico.
Admito: Gosto de seguir um roteiro.
Caiu como uma luva a nova estrutura de igreja ou mesmo a organização litúrgica.
Confesso: Descobri que gosto de ordem de culto.
Acho interessante o modo como as coisas são conduzidas.

Ainda bem que temos o poder de decidir.
E o Senhor do tempo a nosso favor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário